A costa selvagem de portugal

Por Portugal Nature Trails

• Pedalar por entre pinhais e florestas de montado
• Praias da Costa Alentejana e Vicentina
• Paisagens únicas e natureza selvagem
• Ninhos de cegonha nas falésias
• Pedalar junto à costa

Região

Aljezur

Bordeira/Carrapateira

Odeceixe

Porto Covo

Sagres

Santiago do Cacém

Vila do Bispo

Vila Nova de Milfontes

Línguas

Alemão

Inglês

Português

Duração

> 7 dias

Preço

1109€

Inclui

Alojamento

Transporte

Dimensão do grupo

Min. 2 pax máx. 8 pax

Pet friendly

Sim

Bike friendly

Sim


A travessia Portugal Wild Coast (Costa Selvagem de Portugal) é um incrível programa que segue o mais belo litoral de Portugal. Comece na Arrábida e siga até Sagres, onde encontrará o Cabo de S.Vicente, o ponto mais sudoeste da Europa.

Atravesse a incrível reserva natural do sudoeste alentejano, observando paisagens costeiras deslumbrantes. Descubra pequenas aldeias de pescadores e fortalezas abandonadas que são um lembrete de como essa costa foi devastada por piratas no passado!

Encontre uma cidade de praia ensolarada e deslumbrante aqui e ali, uma deliciosa comida tradicional portuguesa e os rostos acolhedores do nosso povo. Uma viagem incrível!

Descrição

Dia 1 – Chegada ao Aeroporto de Lisboa (LIS) Transfer para o Hotel

Bem vindo a Portugal! O nosso guia irá buscá-lo ao aeroporto e dirigir até Santiago do Cacém. Esta é uma linda cidade conhecida pelo seu belo castelo medieval. É o lugar perfeito para começar a sua travessia! Explore e respire o ar fresco de Santiago, mas certifique-se de que tem algum tempo para relaxar e descansar, já que amanhã novas aventuras esperam por si!

Alojamento: Santiago Hotel Cooking & Nature


Dia 2 – Pedale desde Santiago do Cacém até V.N. de Milfontes: 52km +400m

No seu primeiro dia deixe Santiago por uma estrada na serra e chegue ao mar.

Entrará no Parque Nacional do Sudoeste Alentejano e Costa Vicentina numa estrada panorâmica sobre o mar, que o levará a Porto Covo, uma típica vila de pescadores que foi transformada numa delícia pitoresca. Depois, chegará a Vila Nova de Milfontes, onde poderá visitar e admirar o porto de pesca, a grande praia, o rio Mira e a bela área da baía.

Alojamento: Casa do Adro


Dia 3 – Pedale de V.N. de Milfontes para Odeceixe: 47km +450m

Hoje entrará na famosa Reserva Natural do Sudoeste Alentejano e da Costa Vicentina (prepare-se para ser surpreendido).

Perto dali poderá encontrar o deslumbrante Cabo Sardão, que é vigiado por um farol. Um lugar de reconciliação absoluta entre a terra e o oceano. Ao descer a linha costeira, poderá admirar os poços embutidos nas paredes rochosas, as ilhotas de sementes aqui e ali e os muitos casais de cegonhas brancas que escolheram esta costa como local de nidificação. Ao seguir pela Zambujeira do Mar e atravessar os campos, acabará por chegar a um rio, onde no seu final chegará a Odeceixe. Esta é uma vila encantadora sentada numa encosta que é conhecida pelo seu antigo moinho que está localizado na colina mais alta.

Alojamento: Casas do Moinho


Dia 4 – Pedale de Odeceixe para Arrifana: 55km +750m

Comece o dia a ir em direcção a um dos mais belos cenários desta costa – Praia de Odeceixe!

Então, seguirá um vale onde uma vez as caravelas navegaram até a vila de Aljezur, que fica a cerca de cinco quilómetros do interior. Em Alzejur, passeie pelas ruas estreitas e visite o castelo medieval! Experimente a famosa batata doce de Aljezur que cresce na terra fértil da região! Foi reconhecido em 2008 pela União Europeia como área protegida e alimento. No final do dia, chegará a Arrifana, uma aldeia fantástica sobre as falésias.

Alojamento: Monte do Sol


Dia 5 – Pedale da Arrifana à Pedralva: 43km +600m

Percorra algumas florestas e aproxime-se mais uma vez do mar quando chegar à incrível vila da Carrapateira.

É uma vila tranquila e bonita cercada por uma costa selvagem, com falésias cor de cobre e cinza, salpicadas de amarelo e verde. Seguirá uma estrada de terra ao longo do mar, onde é possível ver esta região na sua mais bela paisagem. No caminho, passará por algumas praias deslumbrantes e incríveis falésias coloridas. Em seguida, suba por uma estrada de terra, passando por uma bela floresta de pinheiros e chegue a uma aldeia típica. A Pedralva já foi deserta pelos seus habitantes, mas recuperou em grande parte devido à sua renovação como hotel, conhecido como Aldeia da Pedralva.

Alojamento: Aldeia da Pedralva


Dia 6 – Pedale de Pedralva a Sagres: 41km +400m

Siga uma rota costeira que lhe permitirá descobrir algumas das mais belas e secretas praias da costa Vicentina.

Irá para o sul até ao Cabo de São Vicente, o ponto mais a sul da Europa continental. Este é um lugar mágico onde quase ouvimos os ecos das vozes dos marinheiros e peregrinos. Rodeado por falésias monumentais e vistas deslumbrantes sobre a costa, o cabo não é apenas uma beleza para contemplar, mas também uma área privilegiada para assistir ao fenómeno natural da migração das aves.

Alojamento: Memmo Baleeira


Dia 7 – Partida

Chegou o dia de recuperar todas as incríveis recordações que fez e as novas coisas interessantes que descobriu.

Definitivamente tem sido uma grande aventura e nós queremos que volte e descubra mais algumas com a Portugal Nature Trails.


Consulte a agenda ou contacte-nos para outras datas.

    Ver também

    Cycling na Rota Vicentina

    2 Noites com Sabores Locais

    Ver, ouvir, saborear e cheirar um outro sul

    Amor e Ar Livre

    Rota da Lã

    Kassim ~ Touro Azul